Bixiga voando

bixiganachoperia

O salto que o Bixiga 70 deu de um disco para o outro já estava escancarado na audição do segundo trabalho e o show potencializou essa impressão. A banda cresceu, o naipe de metais fortaleceu uma identidade coletiva e cada instrumentista dos sopros parece ter evoluído individualmente, os teclados encontraram timbres mais autorais, o santo baixou de vez na percussão e a liga entre guitarras, baixo e bateria ficou ainda mais envenenada. As palavras não dão conta do relato, então fique com os vídeos das faixas “Ocupaí” (uma das nove excelentes faixas novas) e a versão absurda para “A Morte do Vaqueiro” (Luiz Gonzaga / Nelson Barbalho) — que já frequenta o repertório dos shows da banda há mais de um ano. Confira!

(Por Ramiro Zwetsch)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *