Azul é a cor mais quente

johncoltranebluetrains

Chora agora, ri depois: a lendária gravadora de jazz Blue Note completa 75 anos em 2014 e resolveu comemorar de um jeito, digamos, muito respeitável e elegante. A partir de março até outubro de 2015, a label vai relançar 100 dos títulos de seu catálogo, cinco por mês, tudo em vinil. É algo para qualquer colecionar de jazz ter tremedeira e suadouro desde já. Joias como “Blue Train” (John Coltrane) e “Song For My Father” (Horace Silver) voltam no capricho e segundo Don Was, presidente da gravadora, com uma qualidade de áudio fiel às primeiras edições dos respectivos títulos. “Trabalhando com uma equipe de engenheiros dedicados e cheios de groove, achamos um som que tanto capta sabor dos discos originais como mantém a profundidade e transparência das fitas master”, diz ele. O catálogo inteiro da série e o calendário de lançamentos você confere AQUI. (RZ)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *