Vodu do Benin em SP!

orchestrepolyrythmodecotonou

Nossos ouvidos ocidentais levaram décadas para descobrir a música da Orchestre Poly-Rythmo de Cotonou. Essa entidade sônica do Benin bem que fez sua parte para se fazer notar: são mais de 500 músicas gravadas entre 1970 e 1983 e uma produção espantosamente criativa, original e diversificada. Mas assim como a geopolítica tratou de deixar a África em segundo plano, a música do continente pouco circulou pelo resto do mundo – ainda que sua influência esteja em praticamente todos os gêneros que nos acostumamos a ouvir (blues, jazz, soul, funk, rock, rap, reggae e todos os ritmos brasileiros).

Foi no começo deste novo milênio, que a OPRC conquistou o merecido reconhecimento fora de seu país. Compilações com sua inspirada produção dos anos 70 foram lançadas pela gravadora alemã Analog Africa e a banda voltou a gravar. “Cotonou Club”, lançado em 2011 pelo selo inglês Strut Records, traz inclusive participação de dois integrantes da incensada banda escocesa Franz Ferdinand (Paul Thomson e Nick McCarthy) na faixa “Lion is Burning”. Em 2014, o Brasil deu sua contribuição nesse processo de resgate fonográfico: o selo Goma-Gringa lançou uma coletânea em vinil com 8 faixas da Orchestre Poly-Rythmo de Cotonou.

Esse parece ser, portanto, um momento muito apropriado para receber um show da banda – que mantém as atividades apesar da morte do seu líder e principal compositor Mélomé Clément, em 2012. Se mesmo assim ainda lhe faltar motivos para conferir a apresentação (gratuita, no Vale do Anhangabaú, domingo 28-09, às 16h; Seun Kuti sobe ao palco logo depois, às 19h), segue abaixo um top 5 com músicas que mostram o poder da banda e sua mistura das batidas do Vodun (religião beninense) com afrobeat, funk e jazz:

1) Iya Me Dji Ki Bi Ni:

2) Sê Tchê Wê Djo Mon:

3) Dis Moi La Verité:

4) Noude Ma Gnin Tche De Me:

5) Ne Te Faches Pas:

(Por Ramiro Zwetsch)

Serviço:

Orchestre Poly-Rythmo
Quando: dia 28/09 às 16h
Onde: No Vale do Anhangabaú
Quanto: grátis

Intervalo: Festa Fela
c/ DJs Haru, MZK, RamiroZ e Vini Marson

Seun Kuti e Egypt 80
Filho do nigeriano Fela Kuti, considerado o criador do afrobeat, Seun se junta à orquestra Egypt 80 para esta apresentação musical.
Quando: 28/09 às 18h
Onde: No Vale do Anhangabaú.
Quanto: grátis

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *