Archie Shepp, 80

Archie Shepp, 80

Salve Archie Shepp! O saxofonista norte-americano completa 80 anos nesta quarta-feira 24 de maio e é, portanto, um dos principais jazzistas vivos. Influenciado e estimulado por John Coltrane, o músico desenvolveu uma personalidade muito autoral com doses sempre bem servidas de perturbação e indignação no som de seu instrumento. Gravamos um podcast que cobre o período entre 1964 e 1972 com...

Read More

Vai na Fé! celebra 90 anos de John Coltrane

Vai na Fé! celebra 90 anos de John Coltrane

Especial John Coltrane! Uma das maiores lendas do jazz, o saxofonista completaria 90 anos na sexta 23-09. Compositor de discos clássicos como “Giant Steps”, “My Favourite Things”, “Olé”, “Ascension” e muitos outros, ele alcançou o auge da inspiração com uma obra-prima divisora de águas do spiritual jazz: “A Love Supreme”, de 1965....

Read More

Coltrane, 90

Coltrane, 90

John Coltrane! O gênio completaria 90 anos no dia 23 de setembro de 2016 e o nosso podcast reverencia a obra suprema pela ótica dos artistas influenciados: Alice Coltrane, Doug Carn, Gil Scott-Heron, Mankunku Quartet e Larry Young!...

Read More

Negro é lindo

Negro é lindo

Negro é lindo! Blackman in born to be free! Sou Negro! Free up blackman! A nova edição do podcast da Radiola Urbana (e a primeira para a radiosilva.org) exalta a negritude com músicas inspiradas na denúncia ao racismo e nos direitos do homem negro. Ouça! Ilustração: Maria Valentina Bloco 1 “Alabama” – John Coltrane (EUA) Bloco 2 “Blackman Ska” – Eric...

Read More

Muito além dos 50 anos

Muito além dos 50 anos

Um dos discos mais importantes da música brasileira completa 5 décadas em fevereiro de 2016: “Os Afro-Sambas”, de Baden Powel e Vinicius de Moraes. Leia! A contribuição da matriz rítmica do candomblé para a música brasileira é infinita. Ecoa na obra de nossos maiores compositores (como Dorival Caymmi, Gilberto Gil e Jorge Ben), inspira os experimentos de alguns dos discos...

Read More

Coltrane em quadrinhos

Coltrane em quadrinhos

Leia nossa entrevista com o artista italiano Paolo Parisi, autor da HQ “Coltrane”, que acaba de sair no Brasil pela editora Veneta. Na sexta, 19-02, acontece um evento de lançamento do livro na Patuá Discos. John Coltrane não se discute. É uma força da natureza. Todo culto em torno de sua obra e até a igreja com seu nome em São Francisco são perfeitamente concebíveis. Foi...

Read More

A live supreme

A live supreme

Canal Curta! exibe hoje a única performance ao vivo de John Coltrane tocando seu clássico “A Love Supreme”. Além de duas faixas do disco (“Acknowledgment” e “Resolution”), o saxofonista e seu quarteto executam também “Naima”, “Ascension”, e “Impressions”. A supremacia do amor se cristalizou em forma de jazz em 9 de...

Read More

Lançamento da HQ “Coltrane”, 19-02 (SP)

Lançamento da HQ “Coltrane”, 19-02 (SP)

Read More

(A) Coltrane é gênio!

(A) Coltrane é gênio!

#AgoraÉQueSãoElas: a cantora e compositora Marietta paulistana escreve sobre Alice Coltrane e sua obra-prima “Journey in Satchidanda” (1970)! “O que mexeu mesmo comigo e que me impressiona tanto no trabalho dela é a nítida quebra das correntes (do ser humano e da música ocidental) e, claro, o exemplo de algo tão poderoso como a convivência produtiva de dois gênios ser...

Read More

Mensagem épica

Mensagem épica

“The Epic”, o primeiro álbum de estúdio do saxofonista Kamasi Washington, faz jus ao nome. São 172 minutos distribuídos em 17 músicas e 3 discos, seja em CD ou no recém-lançado vinil. Sua banda base conta com 10 músicos, incluindo 2 vocalistas, e a gravação traz também uma orquestra com 32 integrantes e um coro com 20 vozes — uma delas da brasileira Thalma de Freitas. A...

Read More

Space is the place

Space is the place

Space Charanga! Thiago França oferece um faixa a faixa de seu recém-lançado disco, “R.A.N.”, que já é um marco do jazz brasileiro. Ele aponta as referências das composições: Moacir Santos, Ray Coniff, Charles Mingus, Cedric Brooks, Mulatu Astatke… Nesta quarta, 26-08, tem lançamento “in store” do trabalho na Patuá Discos! Não basta conhecer apenas um...

Read More

O sopro de um gigante

O sopro de um gigante

Ornette Coleman (1930 – 2015), bem antes de sair deste plano hoje (11-06-2015), já ocupava a posição de lenda do jazz. Mais do que um músico talentoso e revolucionário, era um daqueles fenômenos que surgem não se sabe de onde para mudar o curso de um rio imenso. Ornette mudou o fluxo da corrente do jazz, que seguiria de forma bem mais ordeira e menos transgressora se não fosse por...

Read More

O testamento de Coltrane

O testamento de Coltrane

33 minutos: é esse o tempo que dura a suíte “A Love Supreme” (Impulse Records), gravada em 9 de dezembro de 1964 e lançada em fevereiro de 1965. Pode chamar de música ou oração, mas o fato é que as quatros partes da obra mais icônica de John Coltrane é, sem dúvida, um milagre. Gravado pelo saxofonista junto ao seu quarteto clássico (com McCoy Tyner no piano, Elvin Jones na bateria...

Read More

50 anos de supremacia

50 anos de supremacia

“A Love Supreme” completa 50 anos em fevereiro de 2015 e a Radiola Urbana inicia uma minissérie de homenagens com um podcast sobre este clássico de John Coltrane. No programa, contamos com a participação do saxofonista Thiago França (Metá Metá, Sambanzo, A Espetacular Charanga do França, Space Charanga e MarginalS). Ouça! Bloco 1 - “Aknowledgment” – John...

Read More

40 anos à frente

40 anos à frente

Arquivo RU: aproveitamos o lançamento de um dos melhores discos de 2014, “Jaiyede Afro” (Orlando Julius + Heliocentrics), para republicar nossa entrevista com o veterano músico da Nigéria. Leia! A Radiola Urbana já escolheu um dos seus discos preferidos de 2014: “Jaiyede Afro”, que registra o encontro do veterano músico nigeriano Orlando Julius com a banda britânica...

Read More

O esporro que precede o silêncio

O esporro que precede o silêncio

É preciso ser bom de conta pra acertar quantas vezes o trompetista Miles Davis revolucionou o jazz. O músico, que aportou em plena era do bebop em Nova York, nos anos 40, primeiro mudou tudo com as gravações feitas entre 1949/50 que compõe o álbum “Birth of Cool” — desacelerando o ritmo e criando o cool jazz. Depois de cair no hard bop com seu primeiro grande quinteto, que...

Read More